Amigdalectomia

23/08/2014 00:00

 

Após a cirurgia poderão ocorrer:

FEBRE E DOR - Febre e dores de garganta ou dor referida na área do ouvido ocorrem normalmente, podem ser intensas, passam em 3 a 10 dias e devem ser tratadas com medicamentos.
MAU HÁLITO - É comum ocorrer, e cede em 7 a 14 dias.
VÔMITOS - Podem ocorrer algumas vezes, no dia da cirurgia, constituídos de sangue.

HEMORRAGIA - Representa o maior risco desta cirurgia, podendo ocorrer até 10 dias após o ato cirúrgico, sendo mais frequente em menor volume e, mais raramente, em maior volume, podendo levar até à reinternação cirúrgica sob anestesia geral e transfusão sangüínea. A morte por hemorragia é uma complicação extremamente rara.

VOZ ANASALADA E REFLUXO DE LÍQUIDOS -  podem ocorrer nos primeiros dias, principalmente nas crianças, desaparecendo espontaneamente.

RECIDIVA - É rara. Em crianças alérgicas podem desenvolver-se alguns brotos de tecido linfóide na área operada.
 


Contato

Dr. Danilo A. Sguillar Consultórios:

Rua Maestro Cardim, 1191, Paraíso, São Paulo - SP tel: (11) 32894900

Rua Orville Derby, 118, Mooca - SP tel: (11) 2291-1923
relacionamentomedicodas@gmail.com